Topo

Em Caracas, Foro de São Paulo realiza 25ª edição e terá 800 convidados

08/07/2019 19h40

Caracas, 8 jul (EFE).- A 25ª edição do Foro de São Paulo será realizada de 24 a 28 de julho em Caracas com mais de 800 convidados, incluindo partidos e movimentos sociais, informou nesta segunda-feira o vice-presidente do Partido Socialista Unido da Venezuela (PSUV), Diosdado Cabello.

"Mais de 800 convidados em nível internacional, partidos, movimentos sociais do mundo inteiro", disse Cabello em entrevista coletiva na qual ressaltou que 60 desses são procedentes dos Estados Unidos.

O político venezuelano informou que os movimentos de esquerda e progressistas se reunirão para discutir "o prejuízo gravíssimo que o imperialismo causa todos os dias ao mundo", mas não deu mais detalhes.

"Todos os movimentos de esquerda sairão fortalecidos diante do imperialismo", acrescentou.

O Foro de São Paulo é um mecanismo de concertação de partidos e movimentos sociais de esquerda e progressistas da América Latina e do Caribe, que nasceu em 1990 a partir de um seminário promovido pelo Partido dos Trabalhadores (PT).

Por enquanto não foram revelados os nomes dos participantes. No ano passado, o evento foi realizado em Cuba, país que Cabello visitou no último dia 6 de junho para coordenar com funcionários do alto escalão do governo do país caribenho os preparativos para a nova edição.

"Para nós, sua experiência (de Cuba) é fundamental", afirmou Cabello na ocasião, além de ressaltar que Venezuela e Cuba nos últimos anos participam dos fóruns internacionais "como uma só equipe de trabalho" e com "propostas na mesma linha". EFE

Mais Internacional