PUBLICIDADE
Topo

México ultrapassa marca de 700 mil casos de coronavírus

22/09/2020 12h18

Cidade do México, 21 set (EFE).- O México ultrapassou nesta segunda-feira a barreira dos 700 mil casos de coronavírus, com 700.580 casos, depois que mais 2.917 infecções foram notificadas nesta segunda-feira, dia também em que foram confirmadas mais 204 mortes por Covid-19, elevando o total desde o começo da pandemia para 73.697.

Durante a apresentação do relatório diário sobre a crise sanitária, o diretor de epidemiologia do governo mexicano, José Luis Alomía, confirmou que foram aplicados 1.589.975 testes para detectar a infecção desde o início da pandemia, em 28 de fevereiro.

Alomía esclareceu que os testes foram feitos em pessoas que em algum momento eram suspeitas de estarem infectadas. Do universo de pacientes examinados, cerca de 44% tiveram resultado positivo para o vírus SARS-CoV-2. Além disso, ainda há 75.754 pessoas que aguardam resultados de laboratório para saberem se foram contaminadas.

As autoridades sanitárias confirmaram que os hospitais do México têm uma taxa de ocupação de 9.103 leitos gerais, o que representa 30% dos 30.775 preparados para pacientes não graves. Nas UTIs, 2.568 das 10.503 unidades estão em uso, ou seja, 24%.

A Covid-19 é a quarta causa de morte no México em 2o2o, somente abaixo de doenças cardíacas, diabetes e tumores malignos, segundo o Instituto Nacional de Estatística e Geografia (Inegi). EFE

jth/dr

(foto)