PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
1 mês

Incidência acumulada na Espanha volta a ficar abaixo da marca de 100

17/09/2021 03h34

Madri, 16 set (EFE).- A incidência de casos de covid-19 na Espanha caiu para menos de 100 casos para cada 100 mil habitantes nos últimos 14 dias, de acordo com informações divulgadas nesta quinta-feira pelo Ministério da Saúde do país.

Com o indicador chegando a 96,3, esta é a primeira vez desde o fim de junho que a linha da incidência ficou abaixo de 100.

O balanço apresentado hoje pelo Ministério da Saúde ainda aponta que foram notificados mais 4.075 casos de infecção pelo novo coronavírus, e 101 mortes por covid-19.

De acordo com as informações divulgadas pela pasta, a porcentagem de leitos ocupados por pacientes com covid-19 nos hospitais da Espanha é de 11,6%, o que mantém a tendência de queda.

A maioria das regiões da Espanha estão com risco considerado médio de contágio, apresentando incidências acumuladas que variam de 50 a 150 casos para cada 100 mil habitantes.

Ceuta, com 209, está em risco alto, e Melilla é a única região do território do país com risco considerado extremo, pois a incidência alcançar a marca de 257,2.

Desde o início da pandemia, foram contabilizados 4.926.324 positivos para o novo coronavírus, e 85.739 mortes.

CAMPANHA DE VACINAÇÃO.

Nas últimas 24 horas, foram aplicadas 134.618 doses de vacina contra a covid-19 na Espanha, o que aponta para um ritmo mais lento em setembro do que foi registrado no mês passado.

No país, 35.688.441 de pessoas já contam com o esquema completo de imunização, o que representa 75,2% da população.

Além disso, o Ministério da Saúde anunciou hoje que começará a aplicar em outubro a terceira dose da vacina, iniciando o processo por idosos que vivem em instituições de acolhimento.