PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
15 dias

Espanha registra indicadores iguais aos do período pré-segunda onda

20/09/2021 22h23

Madri, 20 set (EFE).- Os principais indicadores da pandemia da covid-19 na Espanha voltaram aos níveis registrados do verão do ano passado no país, antes do início da segunda onda de contágio, conforme indicam dados divulgados nesta segunda-feira pelo Ministério da Saúde.

A incidência acumulada é de 83,4 casos para cada 100 mil habitantes nos últimos 14 dias, de acordo com boletim oficial. Além disso, há 979 pacientes internados com a doença provocada pelo novo coronavírus nas UTIs dos hospitais espanhóis.

Nesta segunda-feira, foram registrados mais 5.988 positivos para o patógeno, elevando o total desde o início da pandemia para mais de 4,9 milhões.

Além disso, ao longo do fim de semana, foram contabilizadas mais 118 mortes por covid-19, o que faz o montante de vítimas chegar a 85.901, segundo os dados oficiais.

Hoje, pela primeira desde o último dia 4, há menos de 1.000 pacientes nas UTIs. A taxa de ocupação dos leitos comuns com internados com a doença é 3% menor do que a sexta-feira passada, com o total de 3.558.

Além disso, o Ministério da Saúde atualizou as informações sobre a vacinação na Espanha, onde 76% da população completou o esquema de imunização, o que tem levado todas as regiões do país a flexibilizar as restrições impostas para evitar a propagação da covid-19.

Na Comunidade de Madri, onde está inserida a capital do país, nesta segunda-feira, estabelecimentos comerciais, cinemas, teatros, entre outros locais, puderam voltar a funcionar com 100% da ocupação.