PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
1 mês

Pfizer/BioNTech pede licença europeia para vacinar crianças de 5 a 11 anos

15/10/2021 22h00

Berlim, 15 out (EFE).- A empresa farmacêutica alemã BioNTech e sua parceira americana Pfizer, solicitaram uma licença na Europa para administrar a vacina contra a covid-19 a crianças entre 5 e 11 anos, informaram fontes de ambas as empresas.

O pedido foi formalizado perante a Agência Europeia de Medicamentos (EMA, na sigla em inglês), acompanhado da respectiva documentação e análises clínicas, segundo a BioNTech, sediada em Mainz, na Alemanha.

As duas empresas farmacêuticas, que foram as primeiras a obter uma licença europeia para aplicar sua vacina em adultos, enviaram seu pedido há uma semana para administrar a vacina em menores entre 5 e 11 anos de idade antes da Administração de Alimentos e Remédios dos EUA (FDA, na sigla em inglês).

O presidente americano, Joe Biden, disse ontem que seu país está preparado para vacinar esses menores contra a covid-19, já que seu governo adquiriu medicamentos suficientes para fazê-lo.

As duas farmacêuticas anunciaram há poucos dias que os testes clínicos realizados mostraram uma resposta "forte" de anticorpos e que é segura, o que aumenta a expectativa de que estará disponível no final deste mês ou início de novembro. EFE