PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
1 mês

Testes mostram que 3 doses de vacina da Pfizer podem neutralizar ômicron

09/12/2021 02h29

Washington, 8 dez (EFE).- As companhias farmacêuticas Pfizer e BioNTech informaram nesta quarta-feira que três doses da vacina que produziram contra a covid-19 são capazes de neutralizar a variante ômicron do novo coronavírus, de acordo com os resultados de testes preliminares.

Em comunicado emitido hoje pelas empresas apontou que um grupo de pacientes que recebeu duas doses do imunizante tiveram uma eficácia contra a cepa, 25 vezes menor do que contra o patógeno original.

Isso segundo a nota, "indica que duas doses da vacina BNTA162B2 podem não ser suficientes para proteger contra a infecção com a variante ômicron".

Os dados preliminares obtidos, contudo, indicam que "a proteção melhora com uma terceira dose" do imunizante", segundo explicou o presidente da Pfizer, Albert Bourla.

Por sua vez, o presidente da BioNTech, Ugur Sahin, disse que os primeiros dados indicam que uma terceira dose poderia oferecer um nível suficiente de proteção contra a doença em qualquer grau de gravidade causado pela variante ômicron". EFE