O trabalho é do MP, não de tuiteiros, pondera Leifert sobre caso de Laércio

Diferentemente do que foi publicado no título da notícia da Agência Estado "O trabalho é do MP, não de tuiteiros, pondera Leifert sobre caso de Laércio", Tiago Leifert  não defendeu o ex-BBB Laércio, preso acusado de estupro de vulnerável. O apresentador disse apenas que quem deve julgar é a Justiça e não as redes sociais. A informação foi corrigida. 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos