Brasileiro bebe mais cerveja, fuma menos e compra mais automóveis

Rio de Janeiro, 30 Abr (Lusa) - O brasileiro passou a beber mais cerveja, fumar menos, comprar mais automóveis e consumir mais medicamentos, além de incorporar novos hábitos de consumo, como telefones celulares e microcomputadores, ao longo dos últimos 20 anos, divulgou hoje o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Os dados fazem parte da Pesquisa Industrial Anual de Produto feita junto a 16 mil unidades industrias do país, com informações sobre produção, vendas e valor de comercialização, entre 1979 e 1999.

Segundo o levantamento, há dois anos, o total das vendas de 2 mil produtos e serviços registrou um total de R$ 308 bilhões. Um dos maiores saltos no ranking dos cem produtos mais consumidos no país foi dado pela cerveja, que passou da 41ª posição (1979) para a quarta, com vendas de cerca de R$ 4,3 bilhões em 1999.

Já o cigarro caiu da 28ª para a 46ª posição, no mesmo período. A pesquisa traz produtos que não existiam na relação de 1979, como telefones celulares e microcomputadores, que ocupam hoje, respectivamente a 43ª e 74ª posições. Outro destaque da listagem atual é a indústria de editoração e impressão, impulsionada pela produção de jornais (31º lugar).

O levantamento mostra principalmente uma mudança do perfil da produção industrial brasileira. No final dos anos 70, a produção estava ligada ao campo, com itens como tecidos de algodão e carne bovina entre os dez mais produzidos.

Atualmente, o ranking é liderado por combustíveis, automóveis, cerveja, açúcar, nafta, medicamentos e fertilizantes.

MAN.

Lusa/Fim.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos