Sobe para 15 o número de mortos no Rio de Janeiro devido às chuvas

Rio de Janeiro, Brasil, 01 Fev (Lusa) - O número de mortos em consequência das fortes chuvas que fustigam o Rio de Janeiro desde a última sexta-feira subiu para 15, anunciou hoje a Defesa Civil da cidade.

De acordo com o serviço de emergência, o temporal de terça- feira fez mais três mortos - dois homens vítimas de desabamentos e uma mulher vítima de afogamento.

Os bombeiros continuam a procurar três crianças desaparecidas durante a tempestade de terça-feira, que teriam sido levadas pela correnteza de um rio que transbordou na zona oeste do Rio de Janeiro, a mais afectada pelas chuvas.

Desde o final da tarde de terça-feira, a Defesa Civil da cidade já registou mais de 300 chamadas por causa de desabamentos, quedas de barreiras e inundações de residências.

Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia, os temporais são provocados pelo encontro de massas de ar quente vindas da Amazónia e do Planalto Central com uma frente fria estacionada no Oceano Atlântico, na região Sudeste do Brasil.

A previsão dos meteorologistas é de que o Rio de Janeiro continuará a ser fustigado por tempestades até sexta-feira.

CMC.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos