Europa envia ajuda a vítimas de terremoto na Indonésia

Bruxelas, 27 Mai (Lusa) - A Comissão Européia prepara uma ajuda de emergência de 3 milhões de euros (R$ 8,6 milhões) para responder às necessidades mais urgentes na ilha indonésia de Java, onde um terremoto causou hoje a morte de mais de 3 mil pessoas.

O Escritório de Ajuda Humanitária da Comissão está em contato com a Federação Internacional da Cruz Vermelha e com outras organizações para saber quais as necessidades mais urgentes. Segundo comunicado do Executivo da UE (União Européia), peritos já estão sendo mobilizados e serão enviados à região.

O comissário europeu para o Desenvolvimento e Ajuda Humanitária, Louis Michel, afirmou que a Comissão está preparada "para ajudar as vítimas desta tragédia" e reconhece que é importante "fazê-lo o mais rapidamente possível". Por isso, a Direção-Geral de Ambiente, que coordena as respostas da defesa civil dos Estados-membros, já começou a trabalhar. "Nossa intenção é ter fundos imediatamente disponíveis", disse Michel.

A França foi o primeiro país a anunciar a intenção de enviar ajuda humanitária às vítimas do terremoto, seguida pela Rússia, Malásia, Alemanha, Irlanda e Grã-Bretanha.

O terremoto - que segundo o Instituto Geológico norte-americano teve magnitude de 6,2 na escala Richter - foi registrado às 5h33 locais (18h33 de ontem em Brasília), com epicentro 25 quilômetros a sudoeste de Yogyakarta.

Considerada um dos principais centros turísticos do país, devido aos templos de Burubudur, a cidade de Yogyakarta fica perto do vulcão Merapi, que entrou em atividade em maio. Especialistas afirmam que o sismo provocou um aumento na atividade vulcânica, mas até agora não há notícia de perigo iminente para as populações vizinhas.

O presidente da Comissão Européia, o português José Manuel Durão Barroso, enviou uma mensagem de condolências ao presidente da Indonésia, Susilo Bambang Yudhoyono, após o terremoto.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos