Tecnologia é vital para desenvolver a África, diz Microsoft

Lisboa, 7 dez (Lusa) - O presidente da Microsoft África, Cheick Diarra, disse nesta sexta-feira que a aposta nas tecnologias, principalmente através da formação, é "vital" e a melhor forma de promover o desenvolvimento naquele continente.

"Se quiserem ajudar África, então facilitem o acesso da tecnologia a África", destacou Cheick Diarra em entrevista à agência Lusa, no dia em que começa em Lisboa a Cúpula UE-África, sob presidência portuguesa do Conselho da União Européia.

Considerando a tecnologia "vital" para o desenvolvimento africano, Diarra exemplifica: "pode ser usada no e-governement, aumentando a transparência e disponibilizando serviços, na telemedicina, permitindo por exemplo aos habitantes de vilas buscar especialistas que não estão na cidade, no comércio e educação eletrônica, permitindo o acesso à educação a um preço aceitável".

Com 60% da população com idades inferiores a 30 anos e custos de acesso à Internet "52% mais elevados" aos praticados nos EUA, o presidente da Microsoft África considera que a tecnologia é "a chave" não só para o desenvolvimento econômico, mas para o bem-estar e a melhoria de muitas vidas, facilitando o contato da África com o resto do mundo a custos muito inferiores.

"A tecnologia é tudo. Permite a mudança de vida no mundo, tudo na Internet é possível", destacou.

Cheick Diarra referiu-se ainda à importância dos setores privado e público, o primeiro porque permite o desenvolvimento rápido, aponta e antecipa as medidas necessárias para que seja sustentável, e o segundo porque cria o ambiente para esse mesmo desenvolvimento.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos