Belenenses empata e deixa a lanterna do Português

Lisboa, 15 mar (Lusa) - O Belenenses empatou neste domingo por 2 a 2 na recepção ao Estrela da Amadora, em encontro da 22ª rodada do Campeonato Português, um desfecho que lhe permitiu subir ao 15º lugar e entregar ao Rio Ave a lanterna da tabela.

Os "azuis", que não conseguiram disfarçar alguma ansiedade no primeiro tempo, estiveram perdendo por 2 a 0, mas conseguiram reduzir perto do intervalo e, no segundo tempo, restabeleceram o empate.

Num jogo em que o Estádio do Restelo registrou uma das assistências mais expressivas da temporada - os sócios tinham entrada gratuita -, o Belenenses acabou somando um ponto importante, mas insuficiente para abandonar a zona de rebaixamento.

A equipe do Belenenses, na última posição do campeonato, entrou com a agressividade que a necessidade de pontos exige e deu o primeiro sinal das intenções por José Pedro, aos quatro minutos, mas Nelson defendeu sem segurar a bola.

Aos oito minutos o Belenenses podia ter aberto o placar, mas Marcelo, em um rebote, não teve tranquilidade suficiente para fazer o gol, com o a meta completamente sem proteção.

Sem a ansiedade revelada pelo Belenenses, o Estrela procurou sempre responder e, aos 12 minutos, obteve a vantagem, com Anselmo subindo mais do que a zaga e a correspondendo de cabeça no centro de Celestino.

Celestino voltou a entrar na história do jogo, mas, desta vez, a assinar o 2 a 0 numa falta bem batida, aos 27 minutos, um exemplo de eficácia que o Belenenses até então não conseguiu ter.

Depois de Tengarrinha ter saído machudado, o técnico Jaime Pacheco também mexeu na equipe, aos 42 minutos, trocando Wender por Vinicius Pacheco, numa tentativa de dar outro vigor ao transporte de bola até à área da Reboleira. Um minuto mais tarde os "azuis" reduziram por José Pedro, que, numa falta.

O Belenenses voltou do intervalo com a mesma determinação com que terminou o primeiro tempo e Jaime Pacheco aumentou o ataque com a entrada de Saulo, fazendo recuar Mano para o lugar do substituído Tininho, lateral esquerdo.

Com mais presença na defesa adversária, o conjunto de Belém acabou achando o empate aos 18 minutos, com Saulo, muito rápido, correndo sozinho para a pequena área e emendando, de cabeça, um cruzamento de Silas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos