Bem na Copa da Uefa, Braga faz hotéis e restaurantes lotarem

Braga, 18 mar (Lusa) - Nos dias de jogos do Sporting Braga pela Copa da Uefa a taxa de ocupação hoteleira da cidade registra um aumento de 20% e o setor onde o fluxo dos torcedores estrangeiros mais se nota é na alimentação.

Os dados são da Região de Turismo Verde Minho (RTVM) e dizem ainda que, em média, os torcedores permanecem uma noite no país - não só em Braga, mas também no Porto por causa dos voos "low cost" -, e é o centro histórico da cidade que mais lucra com a sua visita.

O Standard Liège foi a equipe que mais torcedores levou à cidade, cerca de dois mil, seguidos dos ingleses e alemães, e os que mais dinheiro gastaram.

Luís Pinheiro, proprietário do café-restaurante Astória, bem no centro da cidade, admitiu ter ficado "surpreendido" com os belgas.

"Ficamos surpreendidos porque os anteriores, os ingleses (Portsmouth) e os alemães (Wolfsburg) não vieram para gastar dinheiro, mas apenas para ver o futebol".

Mas "os belgas", notou, "foram totalmente diferentes, vieram para desfrutar: do clima, da gastronomia e essencialmente dos copos", contou à agência Lusa.

"Sou sincero, não fazia ideia que era possível faturar tanto num só dia?", notou.

Igualmente debaixo da mesma marquise e a poucos passos de distância fica o mítico Café Vianna, fundado em 1872.

Artur Pereira, 64 anos e sotaque brasileiro dos 26 anos passados no "país irmão", não tem dúvidas: a visita dos torcedores estrangeiros "tem um impacto enorme! Claro que a campanha que o Braga está a realizar na Europa é muito importante, é muito bom, movimenta a cidade", afirma.

"Só em venda de cerveja posso dizer que se vende 90 ou 100% mais. Os ingleses até partiram umas coisas, mas não foi vandalismo. Beberam foi muita cerveja logo de manhã e depois puseram-se em cima das mesas e cadeiras, mas já são muito velhinhas e quebraram", notou entre sorrisos.

Segundo Artur Pereira, "nos dois dias que eles costumam ficar vendo mais de 1000 litros de cerveja. Até faço questão que se divida (com o vizinho Astória), porque se não é muita gente para um só".

Para Luís Pinheiro, a caminhada triunfante do Sporting Braga na Europa "é tão importante como isto: eu não ligava nada ao futebol e agora estou sempre atento a quem serão os próximos adversários do Braga", confessou o empresário à Lusa. "Agora sou mais bracarense", resumiu.

A vereadora das Atividades Econômicas e do Turismo da prefeitura de Braga corrobora o ânimo dos empresários.

"Acho que é muito importante e temos tido provas disso desde a Euro-2004. Tem havido um aumento notório e fico muito satisfeita porque isso ajuda a consolidar a imagem e a marca da cidade", disse Ana Paula Pereira à Lusa.

"Temos alguns projetos conjuntos com os restaurantes, mas acreditamos muito no boca a boca. Os nossos empresários têm apostado muito bem na formação e isso começa a dar os seus frutos", disse.

Agora resta torcer pela equipe quinta-feira, na recepção ao Paris Saint-Germain, que pode dar um inédito acesso às quartas-de-final da Copa da Uefa.

Por duas razões, segundo Ana Paula Pereira: "Por um lado para que o clube continue a crescer e por outro porque traz mais atividade econômica à cidade".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos