Benfica goleia Vitória de Setúbal no Campeonato Português

Setúbal, 19 abr (Lusa) - Dois gols Nuno Gomes e outros tantos de Cardozo garantiram neste domingo umaw vitória fácil do Benfica sobre o Vitória de Setúbal, por 4 a 0, em jogo da 25ª rodada do Campeonato Português.

O Benfica acabou por ter um dos jogos mais fáceis do campeonato na ida a Setúbal, se beneficiando da apatia da defensiva sadina, muito permissiva durante a etapa inicial, o que lhe permitiu chegar ao intervalo vencendo por 3 a 0.

Depois de um período inicial em que o Vitória de Setúbal parecia ter argumentos para discutir a partida, a superioridade do Benfica acabou extavasando, com Nuno Gomes, Reyes e Cardozo criando várias oportunidades de gol.

No Benfica, Ruben Amorim esteve sempre em muito bom plano, enquanto no Vitória de Setúbal era evidente a fragilidade de Michel, no lado esquerdo, e a falta de um organizador de jogo, capaz de dinamizar toda a equipe e de a motivar para defrontar um adversário claramente superior.

Fazendo jus ao melhor futebol e às oportunidades de gol que conseguiu criar a partir dos 10 minutos de jogo, Nuno Gomes acabou por inaugurar o placar para o Benfica aos 26 minutos.

Na sequência de uma jogada de Reyes, o central Sidney fez o cruzamento para Nuno Gomes, que desviou de cabeça para o canto direito da baliza de Pawel Kieszek, colocando o Benfica a vencer.

Dois minutos depois, foi Óscar Cardozo a fazer o seu primeiro gol no Bonfim, após um tiro livre de Carlos Martins em que bola bateu na barreira e acabou por sobrar para o volante do Benfica, que "fuzilou".

A vantagem de dois gols premiava a superioridade evidenciada pelo Benfica e castigava a ineficácia e a falta de agressividade dos jogadores do Vitória de Setúbal, que têm mais de quatro meses de salários em atraso.

O Benfica ia ganhando confiança à medida que o tempo passava e o Vitória de Setúbal não encontrava soluções para travar o poderio ofensivo de Reyes, Aimar, Nuno Gomes e Cardozo, que faziam a bola andar sempre por perto do gol de Pawel Kieszek.

Com o jogo controlado, o Benfica nunca deixou de procurar do terceiro golo, que haveria de surgir, já nos descontos, de novo por intermédio de Cardozo.

Na sequência de uma boa jogada de Nuno Gomes e Reyes, este cruzou para Cardozo, que, com tempo para tudo, colocou o Benfica a vencer por três gols de diferença ao intervalo.

Apesar da reação ensaiada pelo Vitória de Setúbal no segundo tempo, o Benfica jogou como quis, mantendo sempre o controle da partida e criando as melhores oportunidades de gol, tal como já tinha acontecido na etapa inicial.

No Vitória de Setúbal merece destaque a boa estreia do jovem Brigues, que por duas vezes tirou o perigo do gol de Quim e bem merecia ter marcado o gol de honra da equipe sadina.

Mas, acabou por ser o Benfica a marcar mais uma vez, após uma jogada de Ruben Amorim, Di Maria e Nuno Gomes, com este último chutando com o pé direito e fazendo seu segundo gol da noite, fechando assim o placar.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos