Portistas enaltecem superioridade do grupo na competição

Porto, 10 mai (Lusa) - O meia argentino do Porto Mariano Gonzalez enalteceu neste domingo a "união do grupo", fator decisivo para a conquista do tetracampeonato português.

No final da vitória sobre o Nacional por 1 a 0, que ofereceu matematicamente ao Porto o 4º título seguido do Português, Gonzalez aplaudiu a conquista conjunta e falou em "justiça" na conquista da taça.

"Sabíamos que merecíamos vencer e trabalhamos muito para o conseguir. Somos um grupo com enorme união e solidariedade", disse.

O argentino recordou que o início da temporada foi "meio turbulento" e explicou depois ser este um título mais especial, pela sua colaboração em mais jogos do Porto.

"É uma espécie de vingança, pois joguei mais este ano. Por isso, é um título mais especial. Quero dedicar a toda a minha família", concluiu.

Sem surpresa

O brasileiro Hulk, outro dos jogadores fundamentais na conquista, destacou também a superioridade do Porto durante a temporada.

"Fomos sempre superiores aos adversários. Conseguimos dar a volta a momentos menos bons porque passamos e estamos todos de parabéns. Não fiquei surpreendido com o clube, porque já sabia da qualidade deste clube", afirmou.

Por outro lado, o uruguaio Cristian Rodriguez, afirmou ser a "pessoa mais feliz do mundo", momentos após a conquista do primeiro título em Portugal.

"Estou muito agradecido a todos, porque tive aqui, no Porto, oportunidade para ganhar. Este título é muito importante para mim, já que é o primeiro em Portugal. Quero agora vencer a Taça e, para o ano, continuar aqui a ganhar, cada vez com mais força", disse.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos