Técnico de Portugal testa jogadores antes de jogo decisivo

Lisboa, 28 Mai (Lusa) ? Os zagueiros Moreno e Sílvio mostraram-se nesta quinta-feira confiantes na possibilidade de integrarem a lista de convocados da seleção de Portugal para o jogo contra a Albânia, em 6 de junho, fora de casa, pelas eliminatórias europeias para Copa-2010.

O time comandado por Carlos Queiroz fez nesta manhã o seu primeiro treinamento de um período de testes e observações que o treinador escolheu para definir os convocados.

"Acredito no meu valor. Agora tenho de continuar a trabalhar no clube para estar aqui na seleção", disse Moreno.

O central do Vitória de Guimarães disse estar "satisfeito" por estar no estágio de observação da seleção portuguesa e que cabe a Carlos Queiroz decidir quem estará na partida com a Albânia.

"Sinto-me satisfeito por estar aqui. Isso cabe ao professor decidir. A mim resta-me, senão for convocado, estar a torcer por fora pela seleção", afirmou.

A chamada de Carlos Queiroz "significa muito" para Moreno, que diz que "é o reconhecimento do trabalho no clube".

"É sempre bom estar na seleção. É sinal que o nosso trabalho foi reconhecido durante uma temporada. Agora é desfrutar do momento e tentar ajudar no que puder", afirmou.

Moreno salientou ainda o fato de Carlos Queiroz estar dando oportunidade a jogadores que não atuam nos "três grandes", realçando os detalhes que têm faltado a Portugal na fase de qualificação para a Copa.

"Se fizermos análises frias aos jogos, vemos que têm falhado detalhes. Ninguém pode acusar nada a esta seleção, porque tem massacrado quase todos os adversários. São detalhes que têm de se resolver, porque valor está aqui", disse.

Sobre a temporada do Vitória de Guimarães, Moreno disse que, "com a dimensão que tem", o clube "não pode ficar satisfeito com a temporada que fez este ano".

"Toda a gente reconheceu os erros, agora não os podemos voltar a repetir, para podermos repetir a temporada do ano passado", disse.

Já Sílvio, que "não estava à espera" de ser chamado, "porque nem sabia que havia este estágio de observação", disse que "as primeiras impressões são muito boas", revelando que "no primeiro treino estava nervoso".

"É uma boa oportunidade. Sei que há bons jogadores na minha posição, mas confio na minha qualidade e estou confiante", citou o lateral esquerdo do Rio Ave.

Sílvio disse que "a esperança é a última a morrer", acredita que pode ser chamado para o encontro com a Albânia.

"Sabia que era difícil chegar ao primeiro escalão da seleção portuguesa, porque tem muita qualidade. Mas eu acredito nas minhas qualidades", afirmou.

A seleção portuguesa termina sexta-feira o estágio de observação, antes de Carlos Queiroz divulgar a lista de convocados.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos