Portugal pega Estônia em amistoso para testar alternativas

Por Nuno Filipe Ortega, Agência Lusa

Tallin, 8 jun (Lusa) - A seleção portuguesa de futebol enfrenta a Estônia, na quarta-feira, em um amistoso de final de temporada que servirá para Carlos Queiroz testar novas alternativas e continuar o processo de renovação da equipe.

Após a sofrida vitória sobre a Albânia, por 2 a 1, em jogo das eliminatórias da Copa de 2010, o treinador disse que o jogo de Tallin servirá para "dar experiência" a jogadores mais novos, lembrando que poderá haver lesões que afastem os habituais titulares das partidas com a Hungria e a Dinamarca, em setembro, que serão decisivas para a classificação ao Mundial da África do Sul.

A vitória de sábado na Albânia, conseguida aos 48 minutos do segundo tempo com um gol do zagueiro Bruno Alves, manteve Portugal na luta pela classificação para a Copa, embora, com a vitória da Dinamarca sobre a Suécia, o objetivo pareça ter passado a ser um dos melhores oito segundos lugares, que darão acesso a uma repescagem.

Neste momento, Portugal soma nove pontos, menos sete do que a Dinamarca e menos quatro do que a Hungria, e passou a ter uma vantagem de três pontos sobre a Suécia, que tem um jogo a menos.

Para o jogo em Tallin, em que será celebrado o centenário do primeiro jogo da seleção da Estônia, Carlos Queiroz dispensou, por razões técnicas, Deco, Bosingwa e João Moutinho, perdendo Simão e Cristiano Ronaldo por lesão.

Jogo

Na continuidade do processo de renovação que prometeu fazer na seleção portuguesa, Queiroz poderá promover na Estônia mais quatro estreias - os goleiros Beto e Moreira, o zagueiro Zé Castro e o meio-campo Eliseu -, aumentando para 12 os jogadores convocados pela primeira vez sob o seu comando.

A partida no estádio Le Coq servirá também fazer a despedida do "eterno" goleiro Mark Poom, que poderá somar seu 120ª jogo pela seleção da Estônia.

Este será o sexto encontro entre as duas seleções, com Portugal somando cinco vitórias, sendo que em apenas um deles a equipe portuguesa venceu pela margem mínima, em 2005, na qualificação para a Copa de 2006.

Da atual equipe lusa, apenas Ricardo Carvalho, Miguel, Boa Morte e Tiago já enfrentaram a Estônia, assim como os dispensados Cristiano Ronaldo, Deco e Simão.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos