Ida de C. Ronaldo ao Real reforçaria liderança de empresário

Lisboa, 12 jun (Lusa) - A concretização da transferência do jogador Cristiano Ronaldo do Manchester United para o Real Madrid voltará a reforçar a posição do empresário Jorge Mendes na liderança do "ranking" mundial de agências e agentes Fifa.

Caso o atacante português, representado pela Gestifute de Jorge Mendes, chegue a acordo com o clube madrilenho, que quinta-feira fez ao Manchester United uma proposta de 94 milhões de euros, irá se tornar no jogador mais caro do mundo.

Segundo um estudo divulgado em março pelo site Futebol Finance, Jorge Mendes detinha uma carteira de jogadores avaliada em 405 milhões de euros, na qual os cinco jogadores mais valiosos eram Cristiano Ronaldo, Anderson, Pepe, Simão Sabrosa e Ricardo Quaresma.

O estudo avaliou o valor aproximado da carteira de jogadores de cada uma das agências ou empresários existentes no mundo, o volume de negócios, a qualidade e quantidade de jogadores e o seu valor médio por cada agente ou empresa.

A Gestifute, de Jorge Mendes, representa 75 jogadores, cujo valor médio é, segundo o estudo, de 5,4 milhões de euros.

Depois de seis anos no Manchester United, Cristiano Ronaldo, melhor jogador do mundo em 2008, está a um passo de se transferir para o Real Madrid por um valor que o próprio considerou lisonjeador.

Os 94 milhões de euros oferecidos pelo Real Madrid, que recentemente contratou o brasileiro Kaká, fazem da transferência de Ronaldo a mais cara do futebol mundial, superando em 19 milhões a saída, em 2001, de Zinedine Zidane da Juventus para os "merengues".

Na segunda posição, o Futebol Finance coloca a Stellar Football Ltd, dos empresários David Manasseh e Ertan Goksu, que defende 221 jogadores, entre os quais Kolo Touré, Ashley Cole, Darren Bent, Peter Crouch e Louis Saha, num valor global de 265 milhões de euros e cerca de 1,2 milhões de média.

Com um valor médio superior, cerca de 2,7 milhões de euros, a WMG Management, que detém vários agentes e negocia os passes de Steven Gerrard, Jamie Carragher, Robbie Keane, Michael Owen e Ji-Sung Park, ocupa a terceira posição, em virtude de representar 89 jogadores, cujo montante global está avaliado em 245 milhões de euros.

Os 105 jogadores avaliados em 240 milhões de euros garantem à MSM Management, de Marcelo Cuppari, a quarta posição do ranking, à frente da Firsteleven ISN, de Franjo Vranjkovic, que detém uma carteira de 74 jogadores, avaliada em 210 milhões de euros.

De acordo com o Futebol Finance, existem no mundo 100 grandes agentes e um total de 4.700 agentes ou empresários registrados na Fifa.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos