Clube luso lança rede social para captação de novos talentos

Braga, 17 ago (Lusa) - A empresa "Innovation Point", do grupo DST, e o Sporting Braga lançaram nesta segunda-feira a primeira rede social esportiva dedicada ao futebol, a nível mundial, para "revolucionar o processo de captação de jovens talentos".

O gestor do grupo, José Teixeira disse, em conferência de imprensa, que "a nova plataforma aumenta as chances de os jogadores amadores viverem o sonho de se tornarem profissionais de sucesso e de os clubes, agentes e treinadores encontrarem atletas de qualidade".

"A rede muda o paradigma da detecção de talentos, o que é novo à escala global, é uma ruptura completa com o status quo", explicou, frisando que "a atividade da detecção de jogadores vai ter de ser repensada".

O empresário salientou que, com este novo sistema, "qualquer tio, pai, irmã, treinador, escolinha ou clube pode filmar os seus jogadores e inseri-los na rede, colocando-os no mundo do futebol".

"Isto será de uma importância extrema em termos de visibilidade para aquele potencial jogador", frisou.

Intitulada RAYLEAGUE (The Real Amazing You League), a nova plataforma informática foi apresentada pelo presidente do clube, António Salvador, pelos gestores José Teixeira e João Matos e pelo goleiro Eduardo.

O presidente do Sporting Braga justificou a adesão do clube dizendo "saber da importância das novas tecnologias na era moderna, e na contribuição que podem dar a qualquer modalidade, regra a que o futebol não pode fugir".

"O Sporting Clube de Braga será ainda mais divulgado a nível mundial", frisou, manifestando-se certo de que a iniciativa "terá sucesso e trará dividendos a curto e a médio prazo para todos os parceiros envolvidos".

A criação da plataforma - especificaram os dois responsáveis - ficou devendo-se "à constatação de que os clubes não possuíam uma plataforma credível ao seu dispor para facilitar o processo de "scouting" e de que os jogadores não possuíam um espaço onde pudessem promover-se de forma simples, eficaz e adaptada às suas preferências".

Os promotores salientam que, "a partir de agora, é possível, através de uma pesquisa de fácil utilização, encontrar jogadores de acordo com a posição e escalão em que jogam, pé preferido, sexo e idade, existindo ainda a possibilidade de orientar a procura consoante a existência ou não de vídeos e fotografias no seu perfil".

"Estamos perante uma realidade nova a nível mundial, pois é possível pesquisar milhões de jogadores, de dezenas de nacionalidades, numa única plataforma, o que irá propiciar uma verdadeira globalização desportiva", acrescentou João Matos.

Disponível em seis línguas, a RAYLEAGUE foi concebida e desenvolvida para se desdobrar em várias plataformas nacionais, permitindo uma melhor filtragem e aumento de exposição por parte dos jogadores no seu país, mas mantém uma estrutura central que lhe permite receber a migração de todos os dados necessários quando se pretende uma abordagem mais global.

"A RAYLEAGUE será o meio de comunicação entre jogadores, treinadores, agentes e clubes, o que a torna bastante atrativa para jovens jogadores, cuja possibilidade de serem encontrados e se tornarem verdadeiras estrelas aumenta exponencialmente", afirmou.

Totalmente gratuita, a plataforma exigiu um investimento de 250 mil euros e foi desenvolvida em parceria com o Sporting Clube Braga.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos