Inovação e conhecimento dominam cúpula ibero-americana

Lisboa, 20 nov (Lusa) - A 19ª Cúpula Ibero-Americana acontece no Estoril entre os dias 29 deste mês e 1° de dezembro, sob o tema "Inovação e Conhecimento".

Esta é a segunda cúpula Ibero-Americana de Chefes de Estado e de Governo realizada em Portugal, depois da do Porto em 1998.

Em entrevista coletiva sobre a reunião no último dia 9, o secretário-geral ibero-americano considerou que, em termos políticos, "a contribuição importante" da cúpula "é o diálogo e o esforço de cooperação entre os parceiros".

A reunião serve "para criar um clima de confiança entre os países, para aumentar a confiança, para identificar áreas de cooperação", adiantou Enrique Iglesias.

Sobre o tema geral da reunião "Inovação e Conhecimento", Iglesias citou que o objetivo é discutir como "utilizar a inovação para enfrentar a crise mundial".

Uma das propostas é a do anúncio de um novo programa, o Ibero-América-Inova, que visa "apoiar a inovação e investigação", segundo o ministro português da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, José Mariano Gago, e poderá contar com a participação de pequenas e médias empresas, universidades e instituições de pesquisa.

A comunidade ibero-americana integra Portugal, Espanha e Andorra e 19 países da América Latina - Argentina, Bolívia, Brasil, Colômbia, Costa Rica, Cuba, Chile, República Dominicana, Equador, El Salvador, Guatemala, Honduras, México, Nicarágua, Panamá, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela.

Quanto às participações, estão confirmadas a do presidente do Brasil, Luís Inácio Lula da Silva, e do Chile, Michelle Bachelet, e "aparentemente confirmadas" as dos presidentes da Venezuela, Hugo Chavez, e da Colômbia, Álvaro Uribe, disse Iglesias.

As eleições no Uruguai e na Bolívia, na época da cúpula ou nos dias próximos, impedem a vinda dos chefes de Estado destes países, adiantou Iglesias na mesma coletiva.

De acordo com o programa provisório, o ato inaugural da Cimeira Ibero-Americana de Chefes de Estado e de Governo do Estoril acontece no fim do dia 29, antes do jantar oferecido pelo presidente português, Aníbal Cavaco Silva.

No dia seguinte de manhã está prevista a sessão de abertura do encontro, que contará com discursos de Cavaco, do primeiro-ministro luso, José Sócrates, e do secretário-geral ibero-americano, Enrique Iglesias.

Para a tarde do dia 30 está marcada uma reunião a porta-fechada, enquanto a sessão plenária antecederá a sessão de encerramento da cúpula na manhã do dia 1°, seguida da cerimônia de transmissão da Secretaria Pro-Tempore de Portugal para a República Argentina.

Antes da coletiva ao final da manhã, atuará pela primeira vez a orquestra juvenil ibero-americana, que inclui oito músicos portugueses e é dirigida pelo jovem maestro venezuelano Gustavo Dudamel.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos