OMS acha cedo para decretar fim da epidemia de gripe A

Genebra, 29 dez (Lusa) - A diretora-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Margaret Chan, assegurou nesta terça-feira que o nível de alerta pandêmico para a gripe A (H1N1) deve ser mantido, pois considera cedo demais para determinar o fim da epidemia.

"É prematuro demais anunciar o fim da pandemia da gripe H1N1: não seria prudente nem apropriado [baixar o nível de alerta]. É preciso continuar a avaliar a situação nos próximos seis a 12 meses", disse Chan, em coletiva de imprensa em Genebra, na Suíça, onde fica a sede desta agência das Nações Unidas.

"Nenhuma análise baseada em fatos reais pode concluir que não estamos perante uma pandemia. O vírus se propagou de forma sustentável em todas as regiões do mundo, afetou 205 países e milhões de pessoas foram infectadas. E temos sorte, porque a maioria destas pessoas teve sintomas leves", ressaltou a diretora-geral da OMS.

Chan advertiu ainda de uma eventual mutação do vírus A (H1N1), "altamente imprevisível", e disse que esta é mais uma razão para manter o nível de alerta.

No entanto, a principal responsável da OMS expressou satisfação com o fato de o vírus da gripe A ser mais moderado do que o mais letal H5N1, da gripe aviária, que matou 60% dos infectados.

"A moderação da pandemia da gripe é a melhor notícia da década", afirmou.

Até agora, o vírus A(H1N1) infectou 500 mil pessoas e provocou mais de 11 mil mortes no mundo, segundo a OMS.

A diretora-geral da organização rebateu acusações de conivência da entidade que dirige com as farmacêuticas, para facilitar a venda de vacinas contra a gripe: "Nenhuma dessas acusações tem fundamento, trabalhamos para proteger as pessoas".

Chan revelou que ainda não se imunizou contra a doença, mas que pensa em fazer isso, respondendo a questões dos jornalistas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos