PUBLICIDADE
Topo

ONU celebra decisão de corte francesa que suspende proibição a burquíni

30/08/2016 15h28

Porta-voz do escritório do alto comissário da ONU para Direitos Humanos afirmou que proibição constitui "violação grave e ilegal das liberdades fundamentais"; Rupert Colville afirmou que decretos não melhoram a situação de segurança e alimentam intolerância religiosa. Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova York. O escritório do alto comissário da ONU para Direitos Humanos [...]