Crise na Guiné-Bissau "não afeta combate às doenças tropicais negligenciadas"

Autoridades destacam como mais frequentes casos da filariose linfática e aa parasitose intestinal; taxa de prevalência da chamada elefantíase é de 1%;  cerca de 90% da população da Guiné-Bissau teve alguma doença deste grupo em 2016. A Guiné-Bissau tem sete das 13 doenças tropicais negligenciadas identificadas em África. Uma cimeira internacional sobre o tema debate [...]

Leia mais

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos