Giro UOL traz os destaques da noite desta sexta, 04/03, para você; ouça

Andre Medeiros

Do UOL, em São Paulo

"Me senti um prisioneiro"

"Me senti um prisioneiro". Foi essa a frase que o ex-presidente Lula usou para falar sobre o depoimento que concedeu à Polícia Federal hoje pela manhã em São Paulo. Ele foi alvo de um mandado de condução coercitiva, quando a pessoa é obrigada a depor, durante a 24ª fase da Operação Lava Jato.

O deputado Paulo Teixeira, que assistiu parte do depoimento, diz que Lula mostrou irritação quando perguntaram sobre pedalinhos mantidos pela família no sítio de Atibaia e quando questionado sobre o tríplex no Guarujá. O ex-presidente repetiu que não é proprietário do imóvel.

Leia mais

 

Lula e instituto teriam recebido R$ 30 mi

Empreiteiras investigadas pela Lava Jato doaram cerca de R$ 20 milhões e pagaram R$ 10 milhões por palestras do ex-presidente Lula entre 2011 e 2014. É o que informa a força-tarefa da operação.

Em nota, o Instituto Lula usou a expressão "nada justifica" para criticar a força-tarefa.

Leia mais

 

Defesa de Lula critica Lava Jato

Em manifestação enviada ao STF, a defesa do ex-presidente Lula criticou a 24ª fase da Operação Lava Jato, deflagrada hoje contra o petista e pessoas próximas, e voltou a pedir a suspensão das investigações.

Os advogados classificaram a condução coercitiva do ex-presidente de "desnecessária". Para a defesa, a ação da Polícia Federal é o "último movimento do concerto executado por uma orquestra bem afinada".

Leia mais

 

PT pede reação

O PT divulgou nota na qual classifica a Lava Jato como uma operação que coloca o Brasil  em um regime de exceção. O partido pede que a militância se mantenha mobilizada, e chama os correligionários a defender "as regras constitucionais e a inocência do ex-presidente Lula".

Dilma Rousseff também classificou como "desnecessária" a condução coercitiva de Lula pela Polícia Federal. A presidente ainda afirmou que a ocorrência de vazamentos ilegais e "prejulgamentos" não contribuem para "a busca da verdade".

Leia mais

 

Oposição

O senador Aécio Neves (PSDB-MG), um dos principais líderes da oposição, afirmou, em nota, que o "avanço da Operação Lava Jato é um passo definitivo para que os brasileiros possam ter acesso à verdade que há muito tempo vem sendo sonegada ao país".

Aécio também pediu que as pessoas apoiem a força-tarefa da Polícia Federal.

Leia mais

 

Outra investigação

A oposição deve aproveitar a condução coercitiva do ex-presidente Lula para pedir a convocação do petista para depor na CPI do Carf, que vai ser instalada nas próximas semanas na Câmara dos Deputados.

De acordo com o líder do DEM na Casa, o deputado Pauderney Avelino (AM), a nova fase da Lava Jato "muda o patamar da temperatura política" do País.

Leia mais

 

Cunha denunciado na PGR

A Procuradoria-Geral da República (PGR) denunciou Eduardo Cunha (PMDB-RJ) pela segunda vez na Operação Lava Jato. O presidente da Câmara foi novamente acusado de ter recebido propina vinda de negócio da Petrobras em contas secretas na Suíça.

Nesta semana o Supremo Tribunal Federal aceitou a primeira denúncia contra Cunha, na qual ele é acusado de receber propina por contratos de navios-sonda da Petrobras. O deputado afirma que desconhece o dinheiro das contas secretas e que não movimentou os recursos que foram encontrados na conta dele.

Leia mais

 

Produção de veículos cai

A produção de veículos no Brasil em fevereiro caiu 12,5% em relação a janeiro, totalizando 131.300 unidades. As informações são da Anfavea, associação que representa montadoras do país.

Com o resultado de fevereiro, a produção acumulada do primeiro bimestre é de 281.400 unidades. Esse número representa uma queda de 31,6% em relação ao mesmo período de 2015. Mesmo com a queda, a expectativa da Anfavea para a produção neste ano é de alta de 0,5%.

Leia mais

 

Seleção olímpica

O técnico Dunga convocou hoje 22 jogadores para a seleção olímpica. Entre eles estão Luciano, do Corinthians, Gabriel Jesus, do Palmeiras, e Gabriel, do Santos. A surpresa fica pela ausência de Lucão, zagueiro do São Paulo, que vinha sendo convocado nas últimas listas do time sub-23.

A seleção brasileira olímpica vai enfrentar a Nigéria, no dia 24, em Cariacica (ES), e a África do Sul, no dia 27, em Maceió.

Leia mais

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos