Giro UOL traz os destaques da noite desta terça, 12/04, para você; ouça

Saulo Novaes

Do UOL, em São Paulo

De baixo para cima

O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), disse que, na votação do impeachment da presidente Dilma Rousseff, vai começar a chamada nominal pela região Sul, deixando os deputados do Norte e do Nordeste, teoricamente mais simpáticos a Dilma, para o final. Segundo os partidários, o objetivo dele é criar uma onda pró-impeachment durante a votação.

Além disso, Cunha acertou com líderes dos partidos que a votação vai começar às 14h deste domingo (17). A expectativa é a de que o resultado seja conhecido entre 21h e 22h.

Leia mais
 


Chefe da conspiração

Num discurso feito em uma cerimônia oficial hoje em Brasília, a presidente Dilma Rousseff chamou o vice-presidente Michel Temer (PMDB) de "chefe conspirador" contra o governo, e Eduardo Cunha, o presidente da Câmara, de "vice-chefe".

Essa foi a primeira manifestação pública de Dilma depois do suposto vazamento de um discurso feito por Temer em que ele fala como se o impeachment já tivesse sido aprovado. No discurso, Dilma chegou a dizer ainda que Temer "também não tem compromisso com o povo".

Leia mais
 


Pressionado a falar

Em mais uma estratégia contra o governo, o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), e aliados pretendem pressionar o ex-senador Gim Argello (PTB-DF) a aceitar um acordo de delação premiada. Argello foi vice-presidente da CPI da Petrobras no Congresso em 2014 e foi o principal alvo da 28ª fase da Operação Lava Jato, deflagrada na manhã de hoje.

Em tratativas que aconteceram de maio a julho de 2014 com empreiteiros da UTC e da OAS, o ex-senador teria acertado a não convocação desses executivos para a comissão de inquérito. Investigadores da Lava Jato apontam que Argello indicou a conta corrente da Paróquia São Pedro de Taguatinga, no Distrito Federal, para receber parte da propina da OAS.

Leia mais
 


Maluf no bom caminho

O deputado federal Paulo Maluf (PP-SP) e o filho dele, Flávio, não estão mais na lista pública de pessoas procuradas pela Interpol. Ele não quis revelar como conseguiu que os nomes fossem retirados da lista de procurados internacionais.

O deputado comemorou e fez uma brincadeira, dizendo que ele está "fora do mensalão, fora do petrolão, fora da Lava Jato", não está no Panama Papers e votou a favor do impeachment. Agora, saiu da lista vermelha da Interpol e "só falta o papa Francisco canonizá-lo".

Leia mais
 


Mercado em movimento

A Bovespa fechou nesta terça-feira com o maior valor dos últimos nove meses, uma alta de 3,66%, e chegou aos 52.001,86 pontos. O resultado foi puxado pelo desempenho das ações da Vale, que saltaram 11%, e da Petrobras, que subiram 8,93%.

O dólar comercial, apesar de ter valorização de quase 2% durante o dia, desacelerou e registrou leve alta de 0,01%, cotado em R$ 3,495. O aumento quebrou uma sequência de duas quedas seguidas da moeda.

Leia mais
 


Alta do preço da água em SP

A Sabesp anunciou que vai aumentar a conta de água em 8,44% a partir de 12 de maio. O aumento foi autorizado pela Arsesp, o órgão regulador estadual.

A agência informou que o aumento é por causa da inflação e estava previsto em contrato.

Leia mais

 

"The End"

Agora é oficial. Depois de três anos, a banda inglesa Black Sabbath vai voltar ao Brasil em sua turnê de despedida "The End" para três shows entre novembro e dezembro. O grupo se apresenta em Curitiba no dia 30/11, na pedreira Paulo Leminski; no Rio, no dia 2/12, na Praça da Apoteose, e em São Paulo no dia 4/12, no estádio do Morumbi. O anúncio foi feito na tarde de hoje pela produtora Time For Fun.

Essa é a segunda passagem pelo país com a atual formação do Black Sabbath, que conta com três integrantes originais: o vocalista Ozzy Osbourne, o guitarrista Toni Iommi e o baxista Geezer Butler. Eles se juntam ao baterista Tommy Clufetos, que substitui Bill Ward.

Leia mais
 


Liga dos Campeões

Cristiano Ronaldo classificou o Real Madrid para a semifinal da Liga dos Campeões hoje, no Santiago Bernabéu. O craque português fez os três gols da vitória por 3 a 0 sobre o Wolfsburg no jogo de volta das quartas de final do torneio europeu e garantiu a vaga na próxima fase, revertendo os 2 a 0 da ida.

Quem também passou de fase foi o Manchester City, que venceu o Paris Saint-Germain na Inglaterra por 1 a 0, hoje na volta das quartas de final, depois de um 2 a 2 na primeira partida. Amanhã acontecem os outros dois jogos das quartas: Benfica e Bayern de Munique se enfrentam em Portugal e o Atlético de Madrid recebe o Barcelona.

Leia mais
 

 

 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos