Giro UOL traz os destaques da manhã desta quarta, 18/05, para você; ouça

Ligia Gauri

Do UOL, em São Paulo

Influência de Cunha no governo?

Pressionado, o presidente interino Michel Temer nomeou o deputado André Moura, do PSC-SE, como líder do governo na Câmara. Moura é aliado de Eduardo Cunha, que foi afastado por corrupção.

O deputado também é um dos expoentes da "tropa de choque" que tenta barrar a cassação de Cunha no Conselho de Ética e chegou a ser chamado de "lambe botas" de Cunha por opositores.

Na Câmara ele vai ser o responsável por negociar, em nome do Palácio do Planalto, os temas de interesse de Temer.

Leia mais

 

Demissões na nova gestão

O presidente interino Michel Temer já demitiu mais de cem funcionários por dia útil. Entre sexta-feira, no dia 13, e terça-feira, no dia 17, 324 servidores foram exonerados.

Parte dos demitidos estava em cargos considerados importantes, como os de assessor especial, diretor de departamento, secretário, secretário executivo e chefe de gabinete.

Uma das demissões mais polêmicas até agora foi a do jornalista Ricardo Melo, diretor da Empresa Brasil de Comunicação, a EBC, que controla a TV estatal. Ele tinha mandato de quatro anos no cargo e entrou na Justiça para contestar a medida de Temer.

Leia mais

 

Construções suspensas

O ministro das Cidades, Bruno Araújo (PSDB-PE), revogou uma portaria do governo Dilma que autorizava a Caixa a contratar a construção de até 11.250 unidades do programa Minha Casa, Minha Vida.

Araújo disse que não existem recursos para executar a quantidade de unidades previstas e que o número vai ser reavaliado. O Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) prometeu protestar contra a revogação.

Leia mais

 

Último bastião?

O presidente do Senado, Renan Calheiros, disse para aliados que não vê mais chances da presidente Dilma Rousseff voltar ao poder depois de ter sido afastada.

Nos bastidores, o peemedebista disse que mesmo uma gestão tortuosa do interino Michel Temer não seria suficiente para reerguer a petista.

O presidente do Senado sempre foi visto como o último aliado de Dilma. Ele só se afastou dela nos capítulos finais do impeachment.

Leia mais

 

Persuasão?

O ex-presidente Lula se reuniu com senadores do PT na sede do instituto dele para traçar uma estratégia visando reverter os votos contra Dilma Rousseff no Senado, que levaram ao afastamento da presidente do cargo.

Lula acredita que pode reverter entre 10 e 12 votos de senadores que concordaram com a abertura do impeachment, mas que poderiam absolver Dilma no julgamento.


Leia mais

 

E os protestos continuam

A noite de ontem foi de manifestações pelo Brasil contra o governo Temer e contra o fim do Ministério da Cultura. Ao menos dez capitais tiveram protestos contra a extinção da pasta, que foi incorporada ao Ministério da Educação.

Ativistas acamparam nas sedes da Fundação Nacional de Artes (Funarte) em São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte. Outros manifestantes fecharam parte da avenida Paulista em ato contra Temer.

Leia mais

 

Chance de ficar milionário

Acumulada, a Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 16 milhões para quem acertar as seis dezenas do sorteio que vai ser realizado hoje em São Paulo.

Quem quiser tentar a sorte pode fazer apostas até as 19h nas casas lotéricas. Um jogo simples custa R$ 3,50.

Leia mais

 

Brigam por vaga na semi

E hoje São Paulo e Atlético-MG se enfrentam na Copa Libertadores. Os dois times brigam para chegar à semifinal do torneio. Os tricolores saem na frente na disputa, já que ganharam o primeiro jogo por 1 a 0.

A partida começa às 21h45 e você pode acompanhar o jogo no uol.com.br ou pelo aplicativo Placar UOL.

Leia mais

                               

 

 

 

 

 

 

 

 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos