Giro UOL traz os destaques da noite desta quinta, 10/11, para você; ouça

Vinícius Garcia

Do UOL, em São Paulo

Mais um bloqueio

Pela segunda vez em menos de uma semana, as contas do governo do Rio foram bloqueadas por atraso no pagamento de dívidas com a União. Desta vez, R$ 140 milhões foram congelados. O primeiro bloqueio tinha sido de R$ 170 milhões.

Sem acesso ao dinheiro, o governo deve ter mais dificuldades para pagar os salários dos servidores. A secretaria da Fazenda do Rio prevê que o congelamento dure até sexta-feira. O Estado deve cerca de R$ 64 bilhões para o governo federal.

Leia mais
 

Dólar dispara, Bolsa despenca

O dólar teve hoje a maior alta diária em oito anos. A moeda subiu 4,73%, cotada em R$ 3,361. Esse também é o maior valor de fechamento desde julho deste ano.

Já a Bovespa fechou em queda de 3,25%, para 61.200,96 pontos. Essa é a maior baixa percentual diária em dois meses e a segunda perda seguida da Bolsa. As quedas nas ações da Petrobras e principalmente nas dos bancos influenciaram no desempenho negativo do índice.

Leia mais
 

Acordo da Odebrecht

O acordo de delação premiada em negociação entre a Odebrecht e a Procuradoria-Geral da República prevê que apenas o ex-presidente da empresa Marcelo Odebrecht vai passar um período na prisão.

No caso dos outros 52 delatores da Lava Jato, as penas em regime fechado vão ser cumpridas em casa, com progressões graduais já estabelecidas.

Leia mais
 

Obama conselheiro?

O presidente dos EUA, Barack Obama, se encontrou pela primeira vez com o presidente eleito do país, Donald Trump, na Casa Branca. Obama disse que a prioridade no momento é que a transição entre os governos seja bem-sucedida.

Já Trump disse que pretende contar com a ajuda de Obama no futuro, inclusive como conselheiro.

Leia mais
 

Movimentos na geopolítica

Para Moreira Franco, um dos assessores do presidente da República, Michel Temer, todo o ciclo geopolítico pós-Segunda Guerra acaba com a eleição de Donald Trump nos EUA.

Para Franco, a eleição de Trump não deve afetar o Brasil porque o problema econômico do país se dá muito mais por motivos internos do que por questões externas.

Leia mais
 

Violência em SP

Um garoto de 13 anos, parente de um dos cinco jovens encontrados mortos em Mogi das Cruzes na última segunda-feira, disse que foi cercado e ameaçado por policiais militares por cerca de quatro horas.

O objetivo da polícia seria encontrar quem mantém a gravação de áudio que Jonathan, uma das vítimas, enviou para uma amiga no dia do desaparecimento. A mensagem dizia que Jonathan teria tomado um "enquadro" da polícia.

Leia mais
 

Venha para o Brasil

O Ministério do Turismo pretende lançar um pacote de medidas para incentivar a vinda de turistas estrangeiros ao Brasil. As principais inovações seriam a adoção do reembolso de impostos pagos durante a estadia no país e a liberação de cassinos integrados a resorts.

Além disso, o pacote prevê a abertura do mercado para companhias aéreas estrangeiras e a concessão de parques nacionais à iniciativa privada. O objetivo é concluir o projeto nos próximos dois meses e entrega-lo à equipe econômica do governo.

Leia mais
 

Quer comer? Então pague

A companhia aérea Latam vai implantar um novo sistema de venda de passagens para voos domésticos no ano que vem. A ideia é que o passageiro possa "construir" o valor da passagem a partir de um preço base. Assim, o cliente vai poder escolher os serviços que quiser.

A alimentação nos voos agora vai passar a ser cobrada. A empresa pretende oferecer cerca de 50 opções de comidas e bebidas para os passageiros. A companhia estima que o novo sistema de vendas pode levar a uma redução de até 20% no preço das tarifas para voos domésticos até 2020.

Leia mais
 

Diversão em SP

De casa nova, o Salão do Automóvel de São Paulo abriu as portas ao público geral hoje e vai até o dia 20 de novembro. A mostra vai acontecer na São Paulo Expo, na rodovia dos Imigrantes.

Para evitar filas, compre o ingresso antecipado pela internet e evite ir de carro até o local. Metrô e táxi são boas opções de transporte. O preço das entradas varia entre R$ 35 e R$ 1.500. Veja mais dicas em carros.uol.com.br e divirta-se!

Leia mais
 

GP do Brasil de F-1

As curvas de Interlagos recebem neste domingo a penúltima etapa do Mundial de F-1, a partir das 14h. Para Felipe Massa, o GP do Brasil tem um significado especial. Vai ser a última vez que o brasileiro corre pela categoria no circuito paulistano.

Em 15 anos, Massa tem números em São Paulo que nem mesmo Ayrton Senna alcançou. São cinco pódios, sendo duas vitórias, e 183 voltas lideradas no circuito.

Leia mais

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos