UOL Notícias Notícias
 

01/06/2006 - 15h03

Espanha absolve suspeito de conspiração em 11 de setembro

MADRI (Reuters) - O Supremo Tribunal espanhol absolveu nesta quinta-feira o único condenado na Espanha por envolvimento nos ataques de 11 de setembro.

Imad Eddin Barakat Yarkas, conhecido como Abu Dahdah, havia sido condenado por conspiração para cometer homicídio terrorista e sentenciado a 27 anos de prisão durante um julgamento no ano passado.

Ele continuará a cumprir uma pena de 12 anos por liderar um grupo terrorista. Yarkas é acusado de ser o líder da Al Qaeda na Espanha.

A Suprema Corte determinou que não havia provas de que o homem, nascido na Síria, tivesse participado dos ataques contra cidades norte-americanas, mas disse haver evidências de que ele ajudou a idealizar a conspiração, trabalhando com uma célula de radicais em Hamburgo.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,21
    3,129
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    0,04
    76.004,15
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host