UOL Notícias Notícias
 

12/06/2006 - 10h10

Zarqawi viveu por quase uma hora após bombardeio dos EUA

BAGDÁ (Reuters) - Abu Musab al-Zarqawi viveu por quase uma hora depois que a primeira bomba norte-americana atingiu seu esconderijo, ao norte de Bagdá, na quarta-feira passada, disse um porta-voz das Forças Armadas norte-americanas nesta segunda-feira.

O major-general William Caldwell disse que Zarqawi, líder da Al Qaeda no Iraque, morreu 55 minutos depois que a primeira das duas bombas de 227 Kg atingiu o edifício que o abrigava, e 24 minutos depois que as forças norte-americanas chegaram ao local.

Um oficial médico dos EUA, Steve Jones, disse na mesma coletiva de imprensa que Zarqawi morreu em decorrência da explosão das bombas. Ele disse que testes de DNA confirmaram a identidade de Zarqawi.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host