UOL Notícias Notícias
 

07/07/2006 - 10h05

SAIBA MAIS-Passo a passo dos atentados de 7 de julho em Londres

7 de julho (Reuters) - Quatro atentados suicidas em menos de uma hora mataram 52 pessoas em 7 de julho de 2005 em Londres.

A seguir, uma cronologia dos fatos daquele dia (pela hora local, quatro a mais do que em Brasília).

03h58 -- Um automóvel Nissan azul, supostamente transportando Shehzad Tanweer, Mohammad Sidique Khan e Hasib Hussain, é visto por câmeras de vigilância de trânsito perto da estrada M1, na cidade de Leeds (norte da Inglaterra).

04h54 -- O veículo Micra é visto em um posto da M1. Tanweer discute com o caixa por causa do troco.

05h07 -- Um Fiat Brava vermelho, dirigido por Jermaine Lindsay, chega ao estacionamento da estação de Luton, ao norte de Londres.

06h49 -- O Micra chega a Luton e estaciona ao lado da Brava. Os homens trocam objetos de um carro para outro. Os quatro pegam sacolas. Deixam um tíquete de estacionamento no Micra, mas não no Brava. A polícia posteriormente encontra duas bombas com pregos sob o assento do passageiro do Micra e uma pistola no Brava.

07h15 -- Tanweer, Hussain, Lindsay e Khan entram na estação de trens de Luton.

07h40 -- O trem com destino à estação King's Cross, em Londres, deixa Luton.

08h23 -- O trem chega a Londres, ligeiramente atrasado devido a um problema na linha.

08h26 -- O grupo é visto pelas câmeras de vigilância entrando no metrô. Minutos depois, segundo testemunhas, eles se abraçam, parecendo felizes e até eufóricos.

08h50 -- Explosão no trem do metrô perto da estação Liverpool Street. O trem tinha como destino a estação Aldgate, na linha Circular. Sete mortos, 171 feridos. Tanweer, 24, acionou sua bomba no fundo do segundo vagão.

08h51 -- Explosão no trem na profunda linha Piccadilly, entre as estações King's Cross e Russell Square. Há 26 mortos e 340 feridos. Lindsay, 19, acionou sua bomba perto das portas traseiras do primeiro vagão.

08h51 -- Explosão na linha circular, perto da estação Edgware Road, abre um buraco em uma parede e atinge outro trem. Seis mortos, 163 feridos. Khan, 30, acionou seu dispositivo no segundo vagão.

08h55 -- Hussain sai da estação King's Cross pela rua Euston. Tenta, sem sucesso, ligar para os outros militantes.

09h00 -- Hussain é visto voltando à estação King's Cross e parece comprar uma pilha numa banca de jornais, possivelmente para detonar sua bomba.

09h06 -- Hussain entra em um McDonald's da rua Euston e sai 10 minutos depois.

09h19 -- Um homem condizente com a descrição de Hussain e com aparência nervosa é visto no número 91, com destino à estação Euston. Em algum momento, ele trocou para o ônibus número 30, um modelo de dois andares.

09h47 -- Explosão no ônibus 30, perto da praça Tavistock. Há 13 mortos e 110 feridos. Hussain, 18, acionou a bomba no fundo do andar superior.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,03
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,09
    68.714,66
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host