UOL Notícias Notícias
 

24/08/2006 - 09h42

Taxa de desemprego no país sobe a 10,7% em julho--IBGE

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A taxa de desemprego no Brasil subiu para 10,7 por cento em julho, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quinta-feira. Em junho, a taxa era de 10,4 por cento.

A projeção mediana de economistas consultados pela Reuters para a taxa de desemprego no país em julho foi de 10,1 por cento. As estimativas das 15 instituições consultadas variaram de uma taxa de 9,6 por cento a 10,4 por cento.

A taxa de desemprego em julho é a maior desde abril de 2005, quando foi de 10,8 por cento, informou o IBGE.

O número de pessoas ocupadas foi estimado em 20,2 milhões nas seis regiões metropolitanas pesquisadas, estável em relação a junho. Na comparação com julho de 2005, houve um aumento de 2,1 por cento.

O número de desocupados ficou em 2,4 milhões em julho. Em relação a julho de 2005, esse número cresceu 17,9 por cento, o equivalente a mais 368 mil pessoas procurando trabalho.

O rendimento médio real do trabalhador caiu 0,7 por cento ante junho, para 1.028,50 reais. Em relação a julho do ano passado, o rendimento cresceu 3,4 por cento.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,48
    3,144
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,53
    75.604,34
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host