UOL Notícias Notícias
 

30/09/2006 - 09h27

Buscas do avião da Gol envolvem 8 aeronaves e 100 militares

BRASÍLIA (Reuters) - As buscas do avião da Gol desaparecido desde o meio da tarde de sexta-feira continuam na manhã deste sábado com cinco helicópteros e três aeronaves, além de 100 militares.

As buscas aérea e terrestre cobrem uma área de 500 quilômetros (Km) quadrados entre o sul do Pará e norte do Mato Grosso. Em Brasília, Rio de Janeiro e Manaus, de onde partiu o vôo, cerca de 200 pessoas trabalham na operação de apoio, entre civis e militares.

As informações são da assessoria de imprensa da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), que acrescentou não estar ainda confirmada a colisão entre o Boeing 737-800 da segunda maior companhia aérea do país e um jato de médio porte Legacy, fabricado pela Embraer.

A versão da colisão foi divulgada na noite de sexta pelo presidente da Infraero, José Carlos Pereira, e não foi descartada pelo ministro da Defesa, Waldir Pires.

O vôo 1907 transportava 155 pessoas e perdeu contato com a torre de controle às 15h35 (horário de Brasília), quando sobrevoava região norte do Mato Grosso.

(Por Cesar Bianconi)

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,95
    3,157
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h28

    -1,26
    74.443,48
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host