UOL Notícias Notícias
 

23/05/2007 - 20h30

Senado dos EUA prepara resolução contra fim de canal venezuelano

WASHINGTON (Reuters) - O Senado norte-americano pode condenar nesta semana a decisão do presidente venezuelano, Hugo Chávez, de não renovar a licença de um canal de TV crítico ao seu governo.

A resolução, preparada pelo republicano Richard Lugar e pelo democrata Christopher Dodd, pré-candidato à Presidência dos EUA, será apresentada na quinta-feira ao Comitê de Política Exterior do Senado, para que o plenário vote no mesmo dia ou na sexta-feira, disse uma fonte parlamentar à Reuters na quarta-feira.

Na resolução, os senadores expressarão "profunda preocupação" com a "transgressão" à liberdade de expressão na Venezuela devido ao caso da Rádio Caracas Televisión (RCTV).

"A decisão de não renovar a concessão da estação de televisão RCTV é um atentado à liberdade de pensamento e expressão", diz a proposta.

Chávez, inimigo declarado de Washington, justificou a não-renovação da licença alegando que a RCTV esteve envolvida no golpe que o afastou do poder por três dias em 2002.

A concessão expira em 27 de maio, e a decisão de Chávez provocou críticas na comunidade internacional.

A Justiça venezuelana rejeitou na quinta-feira um recurso da RCTV para evitar sua saída do ar no domingo. O canal será ocupado por uma emissora cujos responsáveis foram nomeados pelo governo, mas que prometem independência.

O embaixador da Venezuela em Washington, Bernardo Alvarez, enviou uma carta aos senadores dizendo que a resolução inclui "algumas acusações sérias que estão baseadas em desinformação e em informações incorretas encontradas comumente nos meios de comunicação".

(Por Adriana Garcia)

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host