UOL Notícias Notícias
 
16/08/2007 - 13h04

Ações européias têm queda mais forte em mais de 4 anos

LONDRES (Reuters) - O principal índice das ações européias teve a maior queda em mais de quatro anos nesta quinta-feira, puxado pelas perdas no setor financeiro em meio ao agravamento dos temores de que a piora nas condições de crédito possam afetar o crescimento econômico.

O índice FTSEurofirst 300, que reúne as principais ações das empresas européias, despencou 3,21 por cento, para 1.443 pontos. É o menor nível desde meados de março, e foi a maior queda percentual desde maio de 2003.

O índice acumula queda de aproximadamente 3 por cento neste ano, e caminha para a quinta semana seguida de baixa.

A Countrywide Financial, maior concessora de hipotecas dos Estados Unidos, disse que está fazendo uso de toda uma linha de empréstimo de 11,5 bilhões de dólares na medida em que o aperto global de crédito diminuiu o acesso da empresa a financiamentos de curto prazo.

As ações de bancos tiveram o pior desempenho do FTSEurofirst.

Em LONDRES, o índice Financial Times desabou 4,1 por cento, a 5.858 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX perdeu 2,36 por cento, para 7.270 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 caiu 3,26 por cento, para 5.265 pontos.

Em MILÃO, o índice Mibtel encerrou em baixa de 3,45 por cento, a 29.542 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou queda de 3,72 por cento, para 13.979 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 teve desvalorização de 4,53 por cento, para 12.154 pontos.

(Por Amanda Cooper)

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,21
    3,129
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h35

    0,04
    76.004,15
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host