UOL Notícias Notícias
 

15/02/2008 - 15h30

Marca Guinness World Records é vendida para empresa canadense

LONDRES (Reuters) - A marca Guinness World Records, que se constituiu como autoridade de registro de recordes, foi vendida para uma companhia dona de museus famosos por suas exibições incomuns.

O grupo canadense Jim Pattison, dono dos museus "Acredite ou Não de Ripley", informou na sexta-feira que havia comprado a Guinness World Records da britânica HIT Entertainment.

A empresa rejeitou revelar o preço, mas reportagens publicadas em jornais estimaram a venda em 60 milhões de libras (118 milhões de dólares).

O Guinness World Records, anteriormente conhecido como Guinness Book of Records, foi publicado pela primeira vez em 1955.

(Reportagem de Clara Ferreira-Marques)

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host