UOL Notícias Notícias
 

21/11/2008 - 15h09

Ações fecham em queda na Europa com forte movimento de venda

PARIS (Reuters) - As ações negociadas nas principais bolsas de valores da Europa fecharam em queda nesta sexta-feira, registrando a sétima desvalorização em nove sessões diante dos novos temores sobre o setor bancário, que derrubou os papéis de instituições como o société Générale.

O índice FTSEurofirst 300 caiu 2,82 por cento, a 759 pontos, segundo dados preliminares, depois de ter atingido, na mínima do dia, 750 pontos.

O índice perdeu 11,7 por cento na semana, a terceira queda semanal do indicador, em meio a preocupações de um aprofundamento do desaquecimento econômico global.

Papéis do setor farmacêutico, que estiveram resistentes nas últimas semanas, foram também afetados, com quedas de Novartis, que se desvalorizou 6,3 por cento, e Sanofi-Aventis, que perdeu 10,3 por cento.

"Além de se preocupar sobre a recessão e resultados corporativos, agora as pessoas começam a se preocupar com os balanços, e não somente os balanços de bancos", disse Benoit De Broissia, analista do KBL Richelieu, em Paris.

Novos temores quanto ao futuro do Citigroup derrubaram os papéis financeiros, com o Société Générale mergulhando 13,8 por cento.

Em Londres, o índice Financial Times fechou em queda de 2,43 por cento, a 3.780 pontos.

Em Frankfurt, o índice DAX recuou 2,2 por cento, para 4.127 pontos.

Em Paris, o índice CAC-40 caiu 3,33 por cento, para 2.881 pontos.

Em Milão, o índice Mibtel encerrou em baixa de 3,04 por cento, a 14.513 pontos.

Em Madri, o índice Ibex-35 registrou queda de 0,18 por cento, para 7.974 pontos.

Em Lisboa, o índice PSI20 teve recuo de 2,92 por cento, para 5.852 pontos.

(Reportagem de Blaise Robinson)

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    10h49

    0,38
    3,158
    Outras moedas
  • Bovespa

    10h52

    -0,31
    68.379,10
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host