UOL Notícias Notícias
 

11/03/2010 - 19h38

Ministério Público pede inquérito contra Meirelles

SÃO PAULO (Reuters) - O Supremo Tribunal Federal (STF) recebeu pedido de abertura de inquérito contra o presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, por suspeita de crime contra a ordem tributária.

A data de autuação é 4 de março e o pedido foi recebido na quarta-feira pelo ministro Joaquim Barbosa. O autor é o Ministério Público Federal.

No final da tarde desta quinta-feira, Meirelles disse, em nota, que recebeu "com serenidade a notícia do pedido de abertura de inquérito, uma vez que foi amplamente investigado no passado, com o arquivamento de todas as acusações a ele imputadas".

O presidente do BC disse ainda ter tomado conhecimento do assunto por meio da mídia e que já formalizou um pedido de vistas dos autos junto ao STF para saber detalhes do processo e adotar "as medidas jurídicas cabíveis".

"O presidente do Banco Central esclarece que o patrimônio formado durante sua vida profissional foi resultado de árduo trabalho, com todos os seus rendimentos e bens declarados aos órgãos competentes, na forma da legislação", segundo nota no site do BC.

O pedido de abertura de inquérito contra Meirelles foi encaminhado ao STF porque, como presidente do BC, ele tem status de ministro e direito a foro privilegiado.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,03
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,09
    68.714,66
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host