UOL Notícias Notícias
 

17/03/2010 - 19h46

Serra é hostilizado por professores ao inaugurar escola

FRANCISCO MORATO, São Paulo (Reuters) - O governador de São Paulo, José Serra (PSDB), provável candidato à sucessão presidencial, foi hostilizado nesta quarta-feira por um grupo de professores que manifestava em frente à escola técnica de Franscico Morato, inaugurada nesta tarde pelo tucano.

Serra chegou ao interior da escola muito aplaudido, mas parte do grupo de professores conseguiu entrar. Os professores, que estão em greve desde 8 de março por melhores salários, vestiam camisetas da greve e portavam faixas contra o governador.

No fim de seu discurso, enquanto visitava algumas salas de aula, os manifestantes chegaram a entoar um "Dilma Presidente".

Ao sair da escola no carro oficial, houve tumulto de grevistas, que trocaram socos e pontapés com a segurança do governo do Estado. A polícia precisou intervir para apartar a briga. Uma pessoa chegou a atirar um ovo contra o carro de Serra.

(Reportagem de Natuza Nery)

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    1,02
    3,178
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,90
    67.976,80
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host