UOL Notícias Notícias
 

19/03/2010 - 22h03

Assessor de missionários dos EUA é detido em Santo Domingo

Por Manuel Jiménez

SANTO DOMINGO (Reuters) - Um dominicano que atuou como assessor legal de um grupo de missionários norte-americanos, que estiveram encarcerados por várias semanas no Haiti sob acusação de sequestro infantil, foi detido em Santo Domingo, informou a polícia nesta sexta-feira.

Jorge Puello Torres, procurado por El Salvador como suspeito de integrar um grupo de tráfico de pessoas, foi detido em um lava-rápido na capital dominicana no fim da noite de quinta-feira, disse a unidade antinarcóticos da polícia local.

A detenção aconteceu depois de um pedido de captura da Organização Internacional de Polícia Criminal (Interpol, na sigla em inglês).

Autoridades norte-americanas e dominicanas procuravam Puello, já que funcionários de El Salvador suspeitavam que ele havia estado envolvido em uma quadrilha de tráfico de pessoas, que recrutava mulheres e meninas na América Central e no Caribe, forçando-as a trabalhar como prostitutas.

As acusações vieram à tona depois que Puello ofereceu seus serviços como assessor legal aos 10 missionários detidos por autoridades haitianas no fim de janeiro. Eles foram acusados de tentar tirar 33 crianças do país através da fronteira com a República Dominicana depois do terremoto que devastou o país em janeiro.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    11h49

    -0,43
    3,262
    Outras moedas
  • Bovespa

    11h52

    1,56
    62.635,93
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host