UOL Notícias Notícias
 

25/03/2010 - 09h50

Copom vê aumento de riscos para cenário benigno de inflação--ata

SÃO PAULO (Reuters) - Os sinais de robustez da demanda doméstica levaram o Banco Central a avaliar que aumentaram os riscos para a concretização de um cenário inflacionário benigno, diz a ata da última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), divulgada nesta quinta-feira.

O documento é referente ao encontro da semana passada, quando a taxa Selic foi mantida em 8,75 por cento pela quinta reunião seguida. O placar da decisão, contudo, foi dividido, com 3 dos 8 integrantes do Copom votando pelo aumento do juro básico naquela ocasião.

"Diante dos sinais de robustez da demanda doméstica, ocasionando redução da margem de ociosidade dos fatores de produção, evidenciada por indicadores de utilização da capacidade na indústria e do mercado de trabalho, e do comportamento recente das expectativas de inflação, aumentaram os riscos para a concretização de um cenário inflacionário benigno, no qual a inflação seguiria consistente com a trajetória das metas", diz o texto.

De acordo com a ata, houve consenso no Copom "quanto à necessidade de se adequar o ritmo do ajuste da taxa básica de juros à evolução do cenário inflacionário prospectivo ... de forma a limitar os impactos causados pelo comportamento da inflação corrente sobre a dinâmica subjacente dos preços".

(Por Paula Laier)

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,95
    3,157
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h28

    -1,26
    74.443,48
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host