UOL Notícias Notícias
 

31/03/2010 - 12h10

Moagem de cana do CS em 2010/11 subirá 10%--Unica

Por Roberto Samora

SÃO PAULO (Reuters) - A moagem de cana do centro-sul do Brasil em 2010/11 deve atingir 595,9 milhões de toneladas, alta de 10 por cento em relação às 541,5 milhões de toneladas previstas para a temporada 2009/10, que termina nesta quarta-feira, informou a União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica).

De acordo com a entidade, a produção de açúcar da região em 2010/11 deve chegar a 34,1 milhões de toneladas, 19 por cento a mais do que as 28,6 milhões de toneladas previstas para a temporada anterior.

Já a produção de etanol do centro-sul na nova safra foi estimada em 27,4 bilhões de litros, aumento de 15,6 por cento ante os 23,7 bilhões previstos para 2009/10.

Segundo a Unica, o incremento de moagem previsto para 2010/11 deve-se ao elevado volume de cana bisada (cana que não foi colhida na safra passada, em função das chuvas) e também em menor proporção ao aumento da moagem em unidades novas, situadas principalmente em Mato Grosso do Sul, Goiás e Minas Gerais.

"A cana que deverá estar disponível para a produção de etanol e açúcar na safra 2010/11 é praticamente a mesma que estava no campo no início da safra 2009/10, que teve a colheita severamente prejudicada pelas condições climáticas desvaforáveis", afirmou o diretor técnico da Unica, Antonio de Pádua Rodrigues, em comunicado.

De acordo com dados levantados pela Unica, imagens de satélite feitas no centro-sul, que responde por cerca de 90 por cento da produção do país, indicam que não houve expansão significativa na área de cana para a colheita nas regiões tradicionais.

A Unica estima que a produção de etanol hidratado (usado nos veículos flex) deve atingir 20,1 bilhões de litros em 2010/11, ante 17,46 bilhões registrados na safra anterior.

O volume de etanol anidro também crescerá, de 6,2 bilhões de litros para 7,2 bilhões de litros.

A Unica também prevê uma qualidade melhor da cana em 10/11, após chuvas prejudicarem a colheita de 09/10.

A entidade estima que em 2010/11 o centro-sul terá 138,6 quilos de ATR (açúcar total recuperável) por tonelada de cana, contra 130,3 quilos em 2009/10.

Na safra 2010/11 aumentará para 43,3 por cento o volume de cana destinada à produção de açúcar, contra 42,5 por cento na temporada anterior. Já produção de etanol absorverá 56,7 por cento da cana em 2010/11.

A Unica informou ainda, que 10 novas unidades iniciarão atividades na safra 2010/11, um número inferior ao dos últimos anos em função da desaceleração do crescimento no setor. Na temporada 09/10, 19 novas unidades entraram em operação e em 08/09 foram 30.

EXPORTAÇÃO

A Unica estimou ainda que a exportação de açúcar do centro-sul do Brasil em 2010/11 deverá chegar a 24,3 milhões de toneladas, ante 21 milhões de toneladas em 2009/10.

Já as exportações de etanol da região devem atingir 1,8 bilhão de litros na nova safra, contra 2,75 bilhões em 2009/10.

Segundo a entidade, com a redução da exportação e o aumento na produção, deverá haver um incremento de 4,5 bilhões de litros de etanol na oferta para o mercado interno.

(Texto de Camila Moreira)

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host