UOL Notícias Notícias
 

09/04/2010 - 09h57

Venezuela prorroga estado de emergência elétrica por 60 dias

CARACAS (Reuters) - O presidente venezuelano, Hugo Chávez, estendeu o estado de emergência elétrica no país por mais 60 dias na quinta-feira apesar das recentes chuvas que aumentaram as esperanças de que as graves crises de energia terminariam na nação exportadora de petróleo.

A popularidade de Chávez foi afetada desde que uma forte seca expôs os problemas da rede energética no país, altamente dependente da energia hidrelétrica, e levou a rígidas medidas de racionamento de energia.

Os blecautes e o racionamento poderiam impulsionar as perspectivas da oposição nas eleições legislativas de setembro que serão um prelúdio para as eleições presidenciais de 2012.

Ao assinar o decreto para estender o estado de emergência na televisão, Chávez pediu aos venezuelanos que continuem a economizar energia, desligando as luzes.

"Renovamos a emergência elétrica enquanto continuamos trabalhando avidamente para construir novas usinas termoelétricas", disse ele. O decreto de emergência permite ao governo mobilizar recursos para lidar com a crise elétrica.

(Reportagem de Anthony Boadle)

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,32
    3,157
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    0,56
    63.760,62
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host