UOL Notícias Notícias
 

25/04/2010 - 12h26

Irã conversa com chefe da AIEA sobre programa nuclear

Por Sylvia Westall

VIENA (Reuters) - O ministro das Relações Exteriores do Irã se encontrou com o chefe da agência nuclear da ONU neste domingo para discutir a empacada proposta de troca de combustível nuclear que pode suavizar a disputa de Teerã com o Ocidente, além das inspeções atômicas na República Islâmica.

"O encontro foi realizado em uma atmosfera de negócios", disse a AIEA (Agência Internacional de Energia Atômica) em um comunicado.

O iraniano Manouchehr Mottaki e o japonês Yukiya Amano discutiram a proposta de troca de combustível nuclear e discorreram suas impressões sobre possíveis maneiras de implementá-la, informou a AIEA, sem detalhar nenhuma conclusão.

Em outubro o Irã concordou em princípio em enviar urânio pouco enriquecido para o exterior para um maior processamento, mas depois disse que a troca deveria ocorrer em seu território e simultaneamente.

Essas são condições que as outras partes envolvidas no acordo apoiado pela AIEA --França, EUA e Rússia-- disseram não poder aceitar, porque nesse formato o acordo não desperta confiança.

O Ocidente crê que o programa nuclear iraniano visa em última instância a construção de armas. Teerã diz que ele terá somente uso pacífico.

Antes de seu encontro, Mottaki disse à televisão estatal iraniana que as conversas seriam "decisivas e detalhadas."

"A AIEA... pode ter um papel mais construtivo", afirmou Mottaki. "Acreditamos que a troca de combustível poder criar confiança multilateral."

O enviado de Washington na AIEA recebeu bem o encontro.

"É uma boa oportunidade para a AIEA expressar suas preocupações ao Irã diretamente", disse Glyn Davies.

Washington tem buscado apoio de Rússia e China, detentores de veto no Conselho de Segurança da ONU, para uma quarta rodada de sanções a Teerã.

A secretária de estado dos EUA Hillary Clinton e o ministro das Relações Exteriores russo Sergei Lavrov conversaram por telefone sobre a iniciativa norte-americana no sábado, comunicou o Ministério das Relações Exteriores.

"Os ministros tiveram uma discussão detalhada sobre a situação atual em relação ao programa nuclear do Irã, afirmando que novas medidas para sua implementação devem ser tomadas na base do consenso, levando em conta as opiniões de todos", informou, sem dar mais detalhes.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host