UOL Notícias Notícias
 

28/04/2010 - 18h59

Guarda dos EUA fará incêndios para conter vazamento de petróleo

Por Chris Baltimore

HOUSTON (Reuters) - A Guarda Costeira dos Estados Unidos afirmou que iniciará um "incêndio controlado" nesta quarta-feira para lutar contra um vazamento gigante de petróleo iniciado na semana passada após a explosão de uma plataforma, em meio à ameaça de grandes danos na costa de quatro Estados norte-americanos no Golfo.

O vazamento, de cerca de 1.525 metros no oceano na costa do Estado da Louisiana, criou uma mancha de circunferência de cerca de 970 quilômetros, que cobre uma área de 74.070 quilômetros quadrados, disse a Guarda Costeira na terça-feira. Este tamanho é pouco maior que o Estado norte-americano da Virgínia Ocidental.

A plataforma flutuante Deepwater Horizon, da suíça Transocean, afundou em 22 de abril, dois dias após explodir e se incendiar enquanto finalizava a exploração de um poço para a empresa britânica BP.

Onze trabalhadores da plataforma estão desaparecidos e são considerados mortos no pior desastre em uma plataforma de petróleo em quase uma década.

A agência disse que planeja "incêndios pequenos, controlados" de várias centenas de galões que irão ocorrer por cerca de uma hora e não serão visíveis do continente.

É o pior vazamento de petróleo causado por uma plataforma desde 2001, quando uma plataforma operada pela Petrobras na costa brasileira explodiu e matou 11 funcionários.

A Transocean, com sede em Zug, na Suíça, é a maior fornecedora mundial de plataformas marítimas de perfuração. A BP, uma das maiores empresas petrolíferas do mundo, tem importantes operações no golfo do México.

(Reportagem adicional de Pascal Fletcher em Miami)

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,13
    3,270
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,51
    63.760,94
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host