UOL Notícias Notícias
 
02/06/2010 - 08h36 / Atualizada 02/06/2010 - 08h36

BCs mundiais não pretendem parar de investir no euro--fontes

TÓQUIO/BRASÍLIA (Reuters) - Alguns dos maiores bancos centrais do mundo não vão parar de investir no euro, apoiando sua condição de moeda global apesar das crise de dívida da Europa, disseram fontes governamentais.

Embora tanto a zona do euro quanto os Estados Unidos tenham desafios fiscais significativos, a liquidez de suas divisas e a dificuldade de mudar portfólios tão grandes significam que não há alternativas no curto prazo, disseram fontes oficiais do Brasil, da Índia, do Japão e da Coreia do Sul à Reuters em entrevistas separadas.

"Mesmo se o dólar ou o euro estiverem em apuros, há algum outro lugar para se investir? Não mesmo. É necessário haver um certo grau de liquidez", disse uma autoridade do governo japonês, que pediu para não ser identificada.

"As moedas de países com controles de capital não funcionarão, também. Isso nos deixa com poucas opções", disse a autoridade.

(Reportagem de Suvashree Choudhury em Mumbai, Ana Nicolaci da Costa em Brasília, Tetsushi Kajimoto e Leika Kihara em Tóquio, Abhijit Neogy em Nova Délhi, Kevin Plumberg em Hong Kong, Toni Vorobyova em Moscou e Choonsik Yoo em Seul)

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    14h19

    0,13
    3,270
    Outras moedas
  • Bovespa

    14h27

    -0,47
    63.781,70
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host