UOL Notícias Notícias
 
15/06/2010 - 14h08 / Atualizada 15/06/2010 - 14h56

Lula mantém reajuste de 7,7% a aposentados, diz Mantega

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva manteve o reajuste de 7,7 por cento a aposentados que recebem mais de um salário mínimo. O índice, aprovado pelo Congresso, é superior aos 6,14 por cento concedidos inicialmente pelo governo.

O anúncio foi feito a jornalistas nesta terça-feira pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega, após reunião de Lula com a equipe econômica. O fim do fator previdenciário (cálculo usado para reduzir o valor dos benefícios de quem se aposenta mais cedo), também votado pelos parlamentares, foi vetado pelo presidente.

Caso Lula tivesse vetado o reajuste aprovado pelo Congresso, não haveria aumento algum para os aposentados e seria necessária a edição de uma nova medida provisória. Mas o líder do governo na Câmara, Cândido Vaccarezza (PT-SP), disse que expôs ao presidente a dificuldade de se aprovar no Legislativo um reajuste inferior ao que já havia sido aprovado.

Para compensar o aumento dos gastos decorrente da sanção, acrescentou Mantega, Lula autorizou um corte de 1,6 bilhão de reais no Orçamento.

"Não vamos reduzir nenhum investimento, vamos reduzir custeio, inclusive emendas parlamentares", disse o ministro.

(Reportagem de Fernando Exman)

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host