UOL Notícias Notícias
 
11/07/2010 - 11h21 / Atualizada 11/07/2010 - 11h21

Crédito desacelera na China em junho

PEQUIM (Reuters) - O ritmo de crescimento da oferta de crédito na China diminuiu com força em junho, com a normalização da política monetária do país após medidas excepcionais contra a crise.

Os bancos chineses concederam 603,4 bilhões de iuans em novos empréstimos em junho, número dentro das expectativas mas abaixo do resultado de 639,4 bilhões de iuans de maio e menos que a metade do 1,53 trilhão de iuans de junho do ano passado, informou o banco central da China neste domingo, com resultados em termos líquidos.

Como resultado, a expansão do estoque de empréstimos em circulação em relação ao mesmo período do ano anterior caiu para 18,2 por cento no final de junho, ante 21,5 por cento em maio e 33,8 por cento em novembro.

As reservas internacionais do país cresceram 7,2 bilhões de dólares no segundo trimestre, para 2,4543 trilhões de dólares no final de junho.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    0,40
    3,279
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h02

    1,26
    63.452,38
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host