UOL Notícias Notícias
 
05/08/2010 - 19h37

Senado dos EUA aprova Elena Kagan na Suprema Corte

Por James Vicini

WASHINGTON (Reuters) - O Senado aprovou nesta quinta-feira a indicação de Elena Kagan para a Suprema Corte dos Estados Unidos. Ela é a segunda juíza nomeada pelo presidente Barack Obama para o principal tribunal do país.

O resultado da votação --63 a 37-- praticamente reflete a composição das bancadas democrata e republicana, embora cinco republicanos e dois senadores independentes tenham sido favoráveis, e um democrata tenha votado contra.

Kagan, ex-professora da Escola de Direito de Harvard, será a 112a pessoa e a quarta mulher a ocupar uma vaga na corte. Ela foi advogada-geral do governo Obama até ser indicada, em maio, para a vaga do liberal John Paul Stevens, que está se aposentando.

Como Kagan também é liberal, o equilíbrio ideológico será mantido -- 5 conservadores e 4 liberais. Pela primeira vez, a Corte Suprema terá três juízas.

(Reportagem adicional de Rick Cowan)

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,13
    3,270
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,51
    63.760,94
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host