UOL Notícias Notícias
 
16/08/2010 - 10h40

Ex-ditador da Nigéria anuncia candidatura presidencial

ABUJA (Reuters) - O ex-ditador nigeriano Ibrahim Babangida declarou formalmente sua intenção de ser indicado por seu partido para disputar a presidência em 2011, em mais um golpe para o atual ocupante do cargo, Goodluck Jonathan.

Num discurso, cujo teor foi transmitido à Reuters nesta segunda-feira por um assessor, Babangida diz que o governista Partido Democrático Popular (PDP) "aceita que todos nós, inclusive Jonathan, temos o direito de disputar, e eu exerço meu privilégio."

Babangida tomou o poder num golpe militar em agosto de 1985 e governou a Nigéria por quase oito anos. Foi forçado a renunciar em 1993, depois de ter anulado uma eleição considerada limpa. A Nigéria é rica em petróleo e tem a maior população da África.

A declaração de Babangida, muçulmano do norte do país, representa mais um desafio às eventuais ambições de Jonathan, um cristão do sul, que assumiu a presidência neste ano após a morte de Umaru Yar'dua, de quem era vice.

As eleições estão marcadas para janeiro e Johathan pode em tese disputar um novo mandato.

No domingo, o ex-vice-presidente Atiku Abubakar, também muçulmano do norte, manifestou formalmente sua intenção de ser o indicado do partido.

Um acordo tácito no PDP estabelece um rodízio de poder entre o norte muçulmano e o sul cristão a cada dois mandatos. Portanto, em princípio o próximo presidente deverá ser nortista.

(Reportagem de Felix Onuah)

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    0,44
    3,190
    Outras moedas
  • Bovespa

    18h21

    0,14
    76.390,52
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host