Indústria da China encolhe pelo 10º mês seguido em dezembro, mostra PMI

PEQUIM (Reuters) - A atividade industrial da China encolheu pelo décimo mês seguido em dezembro, com o setor lutando contra a fraca demanda, mostrou nesta segunda-feira a pesquisa Índice de Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês), afetando as expectativas de que a segunda maior economia do mundo vai entrar em 2016 mais firme.

O PMI do Caixin/Markit caiu a 48,2 em dezembro, abaixo de novembro, quando o indicador ficou em 48,6, e das expectativas do mercado, de 49. Essa foi a leitura mais baixa desde setembro e bem abaixo do nível de 50 pontos que separa contração de expansão.

A pesquisa concentra-se em pequenas e médias empresas privadas. Outra pesquisa oficial divulgada na sexta-feira, que foca as empresas estatais maiores, mostrou o quinto mês de contração, embora a um ritmo ligeiramente mais modesto.

Economistas esperam mais cortes de juros, reduções nas exigências de reservas dos bancos e outros estímulos em 2016, já que a economia tem sido lenta para responder à enxurrada de medidas de apoio, sugerindo que enfrenta desafios conjunturais e estruturais mais profundos.

O indicador de ações japonês Nikkei caiu 3,06 por cento e o de Xangai despencou 6,86 por cento nesta sessão.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos